Voltar publicado em 09/03/2010 às 08:32 | Categoria: Lições para célula.


LIÇÃO 038 - O DEUS DE ISAQUE

 

 

Texto Base: Gênesis 21:1-3

 Deus havia prometido a Abraão uma descendência incontável e esta descendência tinha origem em Isaque. Isaque representa a promessa. Isaque recebeu todos os benefícios de seu pai: desfrutou tanto da herança espiritual como da material. Porém não podemos deixar de salientar que Isaque está ligado ao desprendimento daquilo que mais amamos. Precisamos entender algumas verdades espirituais que estão ligadas à vida de Isaque.

 

I) Solta o centavo

O Pastor César conta uma estória que havia um menino que colocou uma moeda de um centavo no vaso e após enfiar a mão e para pegá-la, não conseguia tirar a mão com a moeda que nela estava presa. O menino começou a gritar pelo pai que o orientou a abrir a mão e soltar a moeda, que assim a mão sairia e se o fizesse, o pai lhe daria uma nota do seu bolso, o que o menino recusou, pois queria o seu centavo. Muitas vezes, Deus quer nos dar um Isaque (nota) e temos ficado preso ao nosso Ismael (centavo). Ou seja, Deus quer que possamos adquirir as suas promessas, que são sobrenaturais e temos corrido atrás das migalhas. Temos trocado as promessas pelo que podemos pegar e ver. Está na hora de amadurecermos e soltar o nosso centavo.

 

II) O Deus de provisão

Quando analisamos Gênesis 22, vemos o Senhor provando Abraão através de seu filho Isaque, pedindo-o em sacrifício. Isaque na ocasião estava sendo oferecido como o cordeiro. Mas o interessante é que no momento do sacrifício, Deus providencia o cordeiro para que fosse oferecido em holocausto.Esta atitude fez com que o lugar em que estavam se chamasse “Jeová-Jireh”, ou seja, “O Senhor proverá”. Uma coisa precisamos hoje entender, o Deus de Isaque é o Deus da provisão, o Deus que está disposto a suprir todas as nossas necessidades e concretizar as promessas que havia feito a Abraão também na vida de Isaque e nas nossas vidas.

 

III) Uma Rebeca para cada Isaque

Após a morte de sua mãe, Abraão pede a um de seus servos que mandasse buscar  uma mulher do seu povo para que a desse por mulher a seu filho Isaque. O interessante é que nas exigência feitas por seu pai, esta mulher necessitava fazer parte dos filhos de Deus (Gênesis 24:4) e que fosse debaixo de direção divina (Gênesis 24:13-14). Isto aconteceu conforme havia sido especificado. O que precisamos entender é que Deus não quer a contaminação do seu povo. Deus não quer Seu povo se misturando com outros povos e sendo contaminados por outros deuses. O que o Senhor deseja é que estejamos tendo mulheres que pertencem ao seu povo. Amados, é tempo de entendermos que a descendência de Isaque seria abençoada, pois sua esposa também era abençoada, pois servia o mesmo Deus a quem Isaque servia.

 

Aplicação: As promessas que Deus havia dado a Abraão tinham se concretizado também em seu filho Isaque. Creia, pois estas mesmas promessas são para nossas vidas, precisamos apenas nos manter firmes na promessa que o Senhor tem nos dado.

 

Sugestão para a Semana:  - Ler o Livro de Salmos 111 a 150.

                                          - Continue orando pelas promessas de Deus em sua vida.

                                          - Pedir a Deus que possa abençoar a sua esposa (o) ou preparar um (a) para você.

Todos os Direitos reservados - Desenvolvido por juniormanweb